COMPARTILHE:

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua

    O Forno Tubular rotatório  para produção contínua é adequado quando a amostra precisa ser aquecida por menos tempo. Por conta disso, o forno é inclinado e a temperatura desejada é definida.

    O material é então conduzido continuamente da a extremidade superior do tubo, atravessa a área aquecida e sai pela extremidade que está mais abaixo. Portanto, o tempo do processamento térmico depende do ângulo de inclinação, da velocidade de rotação e do comprimento do tubo de processamento, bem como da fluidez do material.

    O Forno Tubular rotatório para produção contínua Nabertherm é equipado com o sistema de alimentação fechado opcional para 5 litros de material e possui um coletor, Além disso também pode ser utilizado em processos em atmosferas com gases de proteção ou em vácuo.

    Os tubos de processamento podem ser em vidro de sílica, cerâmica ou metal, dependendo do processo, do material a ser processado, e da temperatura máxima necessária. Sendo assim, esse forno pode ser adaptado de forma muito flexível a diferentes aplicações.

    Dados técnicos do Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua

    • Temperatura máxima de funcionamento: 1.100°C ou 1.300°C
    • 100°C: Tubo de trabalho de sílica e termopar tipo K
    • 300°C: Tubo de trabalho de cerâmica C530 e termopar tipo S
    • Elementos térmicos de irradiação livre, sobre tubos de suporte
    • Carcaça de chapas duplas de aço inoxidável
    • Uso de materiais de isolamento classificados como não carcinogênicos conforme TRGS 905, classe 1 ou 2.
    • Rotação regulável contínua de aproximadamente 2-45 rpm
    • Mostrador digital do ângulo de inclinação
    • Remoção muito simples devido ao acionamento sem correias e ao corpo do forno articulado (temperatura de abertura < 180 °C)
    • Sistema compacto, forno montado em base com acionamento de manivela para pré-ajuste do ângulo de inclinação, controlador e unidade de comando integrado e  rodas para transporte
    • Ademais tem rotação regulável contínua de aproximadamente 2-45 rpm
    • Versão de mesa como standard

    Conheça mais da linha de fornos da Nabertherm clicando aqui.

    Lembrando que você pode adquirir nossos equipamentos por Importação Direta, contando com a experiência da Biovera na preparação da documentação em acordo com as normas da Aduana Brasileira.

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua 1

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua

    Marca: Nabertherm

    • Regulação da temperatura em 3 (três) zonas, para uma otimização da uniformidade da temperatura
    • Medição da temperatura no tubo de trabalho, com um termopar externo
    • Controle da temperatura da amostra, com um termopar dentro do tubo de trabalho
    • Diferentes sistemas de gás com ótimo fluxo através da carga (possível o uso de hidrogênio), em contracorrente (apenas em conjunto com o sistema de alimentação abaixo)
    • Uso de vácuo até 10-2 mbar
    • Calha vibratória e de extensão para facilitar o carregamento da amostra em processos em atmosfera normal

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua 2

    • Sistema de carregamento contínuo

    – funil vibratório de aço inox para otimizar a alimentação do tubo

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua 3

    – Rosca transportadora (helicoidal), na entrada do tubo de trabalho, com 10, 20 ou 40 mm de altura da hélice com velocidade ajustável de 0,28 a 6 rpm (especificações diferentes possíveis sob demanda).

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua 4

    – Coletor de vidro no final do tubo de trabalho

    – Adequado para o funcionamento sob uma atmosfera de gás ou de vácuo

    • Tubo de processamento de diversos materiais
    • Reatores em vidro de sílica – Temperatura máxima de 1.100°C
    • Possível temperatura máxima de até 1.500°C sob demanda
    • Controle PLC para controle da temperatura e outros acessórios, como controle da velocidade da rosca transportadora, velocidade da rotação do tubo e comutação do gerador de vibração.
    • Controle e documentação de processos através do pacote de software VCD para monitorização, documentação e controle

    Forno Tubular rotatório Nabertherm para produção contínua 5