Compartilhe:
Rotaevaporador IKA RV 8

Como montar e ajustar um rotaevaporador?

Apesar de ser um equipamento para laboratório de simples montagem e operação, alguns clientes possuem dúvidas sobre como montar e ajustar um rotaevaporador.

Temos em nossa equipe especialistas treinados e capacitados para estes serviços, mas alguns clientes não possuem disponibilidade de verba para contratação da montagem de um evaporador rotatório e portanto queremos auxiliá-los nesta tarefa.

Antes de seguir neste texto, recomendamos a leitura de outro post: O Que é e como funciona um Rotaevaporador?, pois ele irá te apresentar melhor este equipamento de laboratório.

Este material tem a intenção de ser um guia rápido, explicando de forma simples, didática e em português como fazemos a montagem e os ajustes iniciais de um rotaevaporador.

Em hipótese alguma o mesmo substitui a leitura do manual do equipamento, assim como não podemos nos responsabilizar por falhas na montagem.

Como montar um rotaevaporador?

O primeiro passo para a montar e ajustar o rotaevaporador é desembalar, separar e identificar seus componentes. A imagem 1 irá te auxiliar neste processo.

Devemos ter atenção especial com a vidraria, pois suas peças são frágeis e podem se quebrar facilmente.

Imagem 1 - Componentes de Um Rotaevaporador
Imagem 1 – Componentes de Um Rotaevaporador

Montando o suporte ou conjunto mecânico

Dependendo do modelo de rotaevaporador, o suporte vem de fábrica desmontado, exigindo a junção de seus componentes e fixação por parafusos, como por exemplo no modelo RV3 da IKA. Portanto, iremos utiliza-lo como exemplo para nossa explicação.

A imagem 1 acima é do modelo IKA RV10 Digital, onde a estrutura principal vem montada, e o mecanismo de levantamento da vidraria é motorizado.

Para o modelo IKA RV3, vamos seguir os seguintes passos de montagem:

A. Montando a estrutura e suporte do Rotaevaporador

  1. Conecte o pé (3) à torre de sustentação da vidraria (4), onde o motor de rotação do frasco de evaporação já está embarcado. Utilize os parafusos e arruelas do kit fornecido (1 e 2)
Como montar e ajustar um rota – Fixação do pé imagem 2
Imagem 2 – Fixação do pé (3) a torre do motor de agitação (4)

2. Fixe na parte traseira da torre (1) a fonte de alimentação do motor, passando o cabo por dentro do suporte (2), conectando o cabo ao motor (4) fechando a presilha metálica de fixação (5), que impede que o cabo se desconecte durante o uso.

Como montar e ajustar um rota – Fixação da fonte imagem 3
Imagem 3 – Fixação da fonte de alimentação do motor

Observação importante !

O modelo de rotaevaporador IKA RV 3 possui motor seguro, que opera em baixa voltagem, portanto se faz necessária uma fonte para reduzir a voltagem da energia elétrica para 24V. Além da segurança, outra vantagem importante é que seu funcionamento é bivolt automático, ou seja, permite trabalho em 110 ou 220V, sem risco de queimar o motor caso seja conectado a uma voltagem inadequada.

3. Ajuste o ângulo do motor

Primeiramente, gire a alavanca de travamento no sentido horário para soltar o mecanismo.

Como montar e ajustar um rota – Alanca de travamento imagem 4
Imagem 4 – Alanca de travamento do ângulo do motor

Posicione o motor no ângulo recomendado de aproximadamente 30º e 45º, e depois gire a mesma alavanca no sentido anti-horário, fixando o motor na posição definida.

Como montar e ajustar um rota – Angulo do motor imagem 5
Imagem 5 – Ângulo do motor

4.  Posicione o selo mecânico (também chamado de selo de vedação) na parte traseira do motor, ou seja, na parte superior, após o ajuste do ângulo do item 3 acima e posteriormente coloque o tubo de vácuo.

 

Como montar e ajustar um rota – Posicionando o selo mecânico imagem 6
Imagem 6 – Posicionando o selo mecânico

B. Montando a vidraria do Rotaevaporador

Diferencial IKA: Os rotaevaporadores da IKA possuem sistema de segurança para evitar a queda / soltura do tubo de vácuo. Portanto, primeiro devemos liberar a trava, posicionando a mesma na posição 1 na imagem abaixo. Desta forma, veremos uma sinalização vermelha (2).

Imagem 7 – Sistema de travamento do tubo de vácuo
Imagem 7 – Sistema de travamento do tubo de vácuo

Depois iremos introduzir o tubo de vácuo até o final do curso e posteriormente, travaremos o mesmo, impedindo sua queda (3).

6. Instalação do Condensador

Primeiramente, devemos fazer uma pré montagem do sistema de travamento do condensador: coloque a porca plástica na boca maior do condensador e depois a mola metálica circular.

Observação:

Estes dois itens vêm fixos no motor de agitação, portanto precisam ser removidos para instalação no condensador.

Agora, segurando o condensador com a mão esquerda, encostando o mesmo no selo mecânico e posteriormente aperte, com a mão direita, a porca preta plástica na rosca existente no motor de agitação.

Imagem 8 – Fixação do condensador no suporte
Imagem 8 – Fixação do condensador no suporte

Para a fixação, recomendamos rosquear a porca a mão. Só utilizar a chave que acompanha o equipamento para realizar a retirada do condensador, nunca para apertar a porca de fixação, evitando assim a quebra do condensador.

7. Coloque o balão de condensação e fixe o mesmo com a pinça metálica, ajustando o parafuso para que a mesma não abra

Imagem 9 – Colocação e fixação do balão de evaporação
Imagem 9 – Colocação e fixação do balão de evaporação

8. Coloque o cachimbo de vidro na parte superior do condensador e fixe-o com a trava metálica. É aqui que a mangueira de vácuo será ligada, ou seja, na parte mais alta do condensador (vide diferença entre imagem 8 e 9)

9. Coloque a torneira na lateral esquerda do condensador. A torneira é utilizada por muitos clientes para ajuste de vácuo manualmente. Entretanto, o ideal é que a bomba de vácuo possua um controlador, como por exemplo o VCV 1.  Esta torneira também é utilizada para alimentação de amostra no frasco de evaporação, sem a necessidade de retirada do mesmo, com consequente interrupção do processo (vide diferença entre imagem 8 e 9)

10. Suspenda e vidraria, pressionando a trava de liberação do mecanismo de elevação, e posicione o banho de aquecimento sob o balão de evaporação. Coloque água no banho, aproximadamente 2,5 Litros

Imagem 10 – Trava de liberação do mecanismo de posicionamento da vidraria (1)
Imagem 10 – Trava de liberação do mecanismo de posicionamento da vidraria (1)

11. Abaixe cuidadosamente a vidraria, até a posição onde o fraco de evaporação fique parcialmente submerso na água. Muito atenção neste momento, para evitar que a vidraria toque na parede do banho e se quebre !

Segurança ….

12.  Ajuste o sistema de proteção contra quebra da vidraria. Desta forma, caso haja um descuido no momento de colocação da vidraria dentro do banho, este dispositivo de segurança irá impedir que a mesma se choque contra o banho e venha a quebrar.

Imagem 11 – Sistema de proteção contra quebra da vidraria
Imagem 11 – Sistema de proteção contra quebra da vidraria

C. Últimos ajustes …..

13. Conecte a mangueiras de vácuo no cachimbo do topo do condensador e ligue a mesma na bomba de vácuo

14. Conecte as mangueiras de circulação do Chiller no condensador, considerando um contra fluxo ao vapor que será produzido, ou seja, a entrada do fluido térmico ocorre na parte superior do condensador e a saída (retorno pra o chiller) ocorre a partir da conexão inferior do condensador

Como montar e ajustar um rota – Mangueiras de refrigeração imagem 12
Imagem 12 – Mangueiras de refrigeração do condensador (H2O) e Vácuo (vac)

Atenção:

Nesta imagem, aparece um acessório que não acompanha o Rotaevaporador IKA RV3, que é o Frasco de Wolf.

Este frasco fica conectado entre o condensador e a bomba de vácuo, minimizando a possibilidade de que condensador sejam sugados pela bomba.

O mesmo é um item de série nos demais evaporadores rotatórios a vácuo da IKA, conforme veremos em outro post, onde comparamos as diferenças entre os modelos existentes.

Portanto, com estes passos, seu rotaevaporador estará montado e com os ajustes básicos iniciais para o correto funcionamento.

Ainda possui dúvidas? Caso afirmativo, entre em contato com nossos especialistas para auxilia-lo nesta atividade. Tenha em mãos a Nota Fiscal e o modelo do equipamento adquirido.

Gostou do artigo ” Como montar e ajustar um rotaevaporador?”. Temos ainda mais conteúdo no nosso site, clique aqui e boa leitura.